top of page

Exame de DNA paternidade: guia completo para você tirar todas as suas dúvidas

Atualizado: há 3 dias

A LabKosop conta com estrutura de ponta e desde 1983 oferece experiência e tradição para realizar o seu exame com segurança e confiabilidade. Clique aqui e agende na unidade de Colombo ou Campina Grande do Sul.


teste dna paternidade

Sumário:


1. O que é o exame de DNA?


O exame de DNA, popularmente chamado de “teste de paternidade” é um exame que

compara algumas partes do DNA de uma pessoa (suposto filho) com as mesmas partes do DNA de quem seja o suposto pai. Essa comparação também pode ser feita com outros parentes do suposto pai caso este já seja falecido.


2. Em que situações o teste de paternidade é recomendado?


Esse exame é recomendado sempre que houver dúvida sobre o real vínculo genético (DNA) entre um, ou mais filhos, com o suposto pai.


3. Como é feito o exame de DNA?


a. Formas de realizar o teste


Os laboratórios que realizam testes de paternidade analisam marcadores genéticos

específicos no DNA. Comparando os marcadores genéticos do pai, da criança e, se

necessário, da mãe, os cientistas podem determinar a probabilidade estatística da

relação biológica.


b. Cuidados antes do teste de DNA


É necessário o consentimento informado, que é a certificação de que todas as partes

envolvidas no teste (o suposto pai, a mãe, e a criança, se aplicável) compreendam

completamente o processo e deem seu consentimento informado para realizar o

teste.


É importante, também, compreender as limitações do teste de DNA. Embora os

testes de paternidade sejam altamente precisos, não há garantia de 100%, e pode

haver casos em que os resultados não são conclusivos.


Assim, esteja preparado para aceitar os resultados, seja qual for o resultado. Em

alguns casos, os resultados podem confirmar expectativas, enquanto em outros

podem trazer surpresas. O aconselhamento pós-teste pode ser útil para lidar com as

implicações emocionais.


c. Quais são os tipos de amostras coletadas para o Exame de DNA?


As amostras para o teste de paternidade podem ser coletadas através de swabs

(espécie de cotonetes específicos para este exame) bucais (esfregões na bochecha),

saliva, sangue ou, em casos mais raros, amostras de cabelo.


4. Possíveis resultados do teste de DNA


Os resultados são: Positivo para paternidade, negativo para paternidade ou inconclusivo. Nesse último caso há a necessidade de repetir o teste e até utilizar outro tipo de amostra para tentar viabilizar um resultado.


5. Quanto tempo demora para sair o resultado?


O resultado pode variar de 10 a 20 dias úteis para ser liberado dependendo se o suposto pai é vivo ou não.


6. Qual a precisão de um teste de paternidade?


A confiabilidade dos resultados geralmente ultrapassa 99%. Mas não é 100%.


a. Fatores que podem alterar o resultado do teste de DNA


São eles: Contaminação da amostra, qualidade da amostra, mutação genética (pode

ocorrer em casos raros), casos onde são utilizadas amostras de parentes próximos,

gêmeos idênticos e o tempo desde a última gestação pois pode ainda haver vestígios

da gestação anterior.


7. Qual é o preço de um teste de DNA de paternidade?


O valor do teste parte de R$592,20 na situação de pesquisa de apenas um filho e o pai. O preço varia conforme a situação a ser investigada. Consulte nossa equipe para mais

informações.


8. Documentos necessários para realização do exame


Os documentos necessários para a realização do teste são os documentos de identificação, como RG, CNH, entre outros. Se o exame for motivado por uma ação judicial, o Ofício deve ser apresentado junto na hora do cadastro.


9. Dúvidas Frequentes sobre o Exame de DNA Paternidade


a. É necessária ordem médica ou autorização judicial para fazer o teste de DNA?


Não é necessário um pedido médico para fazer esse teste.


b. É possível fazer teste de DNA Paternidade ainda na gravidez, com o bebê na barriga? Como ele é realizado?


É possível realizar o teste durante a gestação, mas a coleta do material nesses casos

é realizada apenas em ambiente hospitalar e por um médico especialista, pois

necessita-se coletar material intrauterino, e há risco de complicações, como o

aborto espontâneo.


Assim, pedir um exame de DNA para determinar a paternidade durante a gravidez é possível, mas requer um procedimento específico chamado "exame de DNA pré-natal não invasivo". Esse teste coletará sangue ou saliva da mãe e do suposto pai, e do bebê será necessário coletar material genético do vilo corial (possível entre a 11ª e 13ª semana de gestação) ou do líquido amniótico (entre a 14ª e 28ª semana de gestação). Esta coleta do bebê somente poderá ser realizada por um médico.


É importante lembrar que esse tipo de exame envolve custos adicionais e requer acesso a laboratórios especializados, nós aqui do LabKosop não o realizamos. É recomendável buscar aconselhamento médico e discutir todas as opções disponíveis antes de decidir fazer o teste de DNA pré-natal.


c. O teste de paternidade é confidencial?


A confidencialidade e a privacidade são considerações importantes em testes de

paternidade. Nosso laboratório tem procedimentos rigorosos para proteger a

identidade dos envolvidos e garantir que as informações sejam divulgadas apenas às

partes autorizadas.


d. É necessário o consentimento de todos os envolvidos no teste?


Sim, todos que estão envolvidos no processo de investigação devem consentir que

querem realizar a coleta para realização do exame.


e. Existe alguma idade mínima para a realização do teste de paternidade em uma criança?


Não existe uma idade mínima para realizar o teste.


f. Como fazer o reconhecimento de paternidade quando o pai já faleceu?


O exame e análise em si são iguais ao teste com o suposto pai presente. O que muda

é que será utilizado amostras de parentes próximos ao suposto pai falecido. Essas

amostras podem ser comparadas para determinar a relação de parentesco e,

indiretamente, inferir a paternidade.


g. Preciso levar uma testemunha para a coleta?


Não há a necessidade de trazer uma testemunha para fazer o teste, apenas se for

uma determinação judicial que obrigue a presença de uma testemunha.


10. Conte com a Labkosop para realizar o seu diagnóstico


A LabKosop conta com estrutura de ponta e desde 1983 oferece experiência e tradição para realizar o seu exame com segurança e confiabilidade. Clique aqui e agende na unidade de Colombo ou Campina Grande do Sul.

bottom of page